quarta-feira, 19 de maio de 2010

Perfazer


Vejo aquela garrafa vazia

Cada rolha de vinho

Um sabor, várias descobertas.

Noite fria

Dois copos

Dois corpos,quentes.

Completando,

De gole em gole

O vazio que existia em mim.

6 comentários:

  1. Ô, delícia de paixão!
    Beijos, amiga.

    ResponderExcluir
  2. Que maravilha!!! Claudia curtiu isso! Que as borboletas no estômago deixem sua vida mais colorida!!!

    Lindo, lindo, lindo!

    ResponderExcluir